Depois de passar pelos municípios de Plácido de Castro, Assis Brasil e Brasileia, chegou a vez de Rio Branco receber a unidade móvel contratada pelo governo, com o fim de disponibilizar atendimentos e serviços ligados a órgãos ambientais. A contratação se deu por iniciativa da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e de Políticas Indígenas (Semapi), e é fruto de uma emenda parlamentar gerada pela deputada federal Vanda Milani, no valor de R$ 1,5 milhão.

O projeto faz parte do plano de governo criado para implementar ações itinerantes que facilitem o acesso do homem do campo aos serviços públicos oferecidos pelo Estado. Entre os principais atendimentos na unidade, estão a capacitação de técnicos de prefeituras, dispensa de outorga, cadastro ambiental, programas de regularização e despacho de licença ambiental. A carreta permanece três dias em cada município e já atendeu mais de 300 pessoas, levando cidadania.“Fiz questão de colocar a carreata em frente ao Palácio para comemorarmos sua chegada. Queremos facilitar a vida do produtor rural, estar mais perto, mais presente, dando a eles condições de atendimento que eles não têm por perto, desburocratizando o sistema e levando cidadania”, disse o governador Gladson Cameli, em um evento de comemoração da chegada da carreta ambiental, em frente ao Palácio de Rio Branco, ocorrido na tarde desta quarta-feira, 27.

O evento ocorreu em frente ao Palácio de Rio Branco, na tarde desta quarta-feira, 27. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Além do governador, participaram da comemoração a Procuradora-geral do Ministério Público, Katia Rejane, o secretário de Estado de Meio Ambiente, Israel Milani, os deputados estaduais, Nicolau Junior e Luiz Gonzaga, o superintendente do Banco da Amazônia, José Luiz Cordeiro, além de secretários de Estado e outras autoridades.

Além da Semapi, órgão que coordena o projeto, vários parceiros atuam dentro da carreta ambiental, entre eles o Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac), Instituto de Terras do Acre (Iteracre), Secretaria de Produção e Agronegócio (Sepa), e Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). Como a estrutura também apresenta um viés cultural, a Fundação Elias Mansour (FEM), também está presente na programação.

“Estamos vivenciando um momento ímpar. Planejamos essa carreta há três anos e hoje estamos concretizando essa realização. Estamos levando resolutividade aos nossos produtores rurais, andando de mãos dadas com outras instituições. Essa carreta será um modelo que vamos levar para a conferência mundial e apresentar a outros países como deu certo em nosso estado”, destacou Israel Milani.

Israel Milani é secretário de Estado de Meio Ambiente. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Entrega de equipamentos e veículos

No mesmo evento, o governador Gladson Cameli entregou à Semapi sete caminhonetes modelo L200, adquiridas por meio do Programa de Desenvolvimento Sustentável do Acre (PDSA II/BID). A aquisição tem por objetivo otimizar a capacitação operacional para manejo, boas práticas, certificação, assessoria das ações de fortalecimento em torno da produção florestal sustentável, entre outros assuntos de relevância para o órgão. O valor do investimento foi de R$ 1,6 milhões.

Veículo será utilizado em ações de combate e fiscalização de queimadas e desmatamento. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Demonstrando também apoio às ações de fiscalização do Ministério Público do Acre, a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), entregou à instituição uma caminhonete no valor de R$ 191 mil, além de um drone de aproximadamente 17 mil reais. Ambos servirão para monitoramento e fiscalização de queimadas e desmatamentos em áreas ambientais.

Por fim, por meio do Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac), o governo do Estado realizou a entrega de licenças e de certidões de dispensa.

O que disseram:

“Eu só tenho a agradecer ao governo do Estado pela doação dos equipamentos que vão nos auxiliar no nosso Núcleo de Apoio Técnico do Ministério Público. Núcleo este que já vem colaborando com as fiscalizações e monitoramento de queimadas no Acre, nos permitindo caminhar juntos na defesa do nosso meio ambiente. Muito obrigada”.

Katia Rejane Rodrigues – Procuradora-Geral do Ministério Público do Acre

“Parabenizo a Secretaria de Meio Ambiente e a deputada Vanda Mileni pelo investimento que com certeza fará diferença na vida do homem do campo. Sabemos que já não é fácil, e levar os atendimentos para mais perto deles, demonstra respeito e preocupação da atual gestão com a população rural”.

Nicolau Cândido Junior – deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa do Acre

“Sem dúvida é um projeto inovador que chega para facilitar a vida dos nossos agricultores e produtores rurais. É só do que eles precisam, incentivo. Portanto parabéns ao governo do Estado e a todos os envolvidos”.

 

<< Matéria anteriorSenadora Mailza Gomes, que deu à luz durante mandato e diz defender grávidas, demite funcionária com 3 meses de gestação
Próxima matéria>>Bené Damasceno, de Porto Acre, elogia trabalho de Vanda Milani em prol dos mais carentes.