O informativo da Sala de Situação do Centro Integrado de Geoprocessamento e Monitoramento Ambiental (Cigma) desta terça-feira, 27, destaca a previsão da Divisão de Meteorologia do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam) de mais uma frente fria que chega ao Acre no decorrer desta quarta-feira, 28.

“A chegada deste sistema modifica um pouco o tempo no Acre. Em todo o estado, o tempo varia de parcialmente nublado a nublado. Na região do Vale do Juruá, entre a tarde e à noite ocorrem pancadas isoladas de chuva com trovoadas, já na capital Rio Branco e nas demais regiões acreanas não há previsão de chuva. Nesta quarta-feira a friagem só será observada nas cidades do Leste e do Sul do estado, e somente a partir de quinta-feira é que o sistema atuará em todo o Acre”, informa o boletim.

O documento indica que a friagem chegou no começo desta semana e provocará queda abrupta de temperatura em todo o estado, chegando à mínima de 12 graus na região do Baixo Acre.

A Sala de Situação do Cigma é coordenada pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e das Políticas Indígenas (Semapi) e prepara informativos hidrometeorológicos.

Para mais informações acesse a previsão do tempo.

Confira as temperaturas em todo o estado:

Alto Acre

Em Assis Brasil, Brasileia, Epitaciolândia e Xapuri, as temperaturas oscilam entre a mínima de 13°C e a máxima de 26°C.

Baixo Acre

Mínima de 12°C e máxima de 28°C são as temperaturas previstas em Acrelândia, Bujari, Capixaba, Plácido de Castro, Porto Acre, Senador Guiomard e Rio Branco.

Vale do Juruá

Já em Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter e Rodrigues Alves os termômetros ficam entre 14°C e 29°C.

Purus

Em Manoel Urbano, Santa Rosa do Purus e Sena Madureira deve fazer entre 13° C e 29°C.

Tarauacá/Envira

Por fim, em Feijó, Jordão e Tarauacá a variação de temperatura fica entre a mínima de 15°C e a máxima de 30°C.

<< Matéria anteriorCom Apenas 28 internações, o Acre registra 1 morte e 35 contaminações por covid19
Próxima matéria>>Governo doa madeira apreendida para entidades públicas e sociais