A vereadora Lucila Brunetta, do município de Cruzeiro do Sul, acaba de ter seu mandato cassado nesta segunda-feira (8). Ela foi condenada por infidelidade partidária pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) por decisão unânime, com efeito imediato.

Brunetta havia sido eleita pelo MDB no município e resolveu trocar de partido nas últimas eleições, se deslocando para o PP, mesmo partido do atual governador Gladson Cameli.

A vereadora, então, abandonou sua vaga de vereadora na Câmara de Cruzeiro do Sul e passou a assumir cargo de diretoria na Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) este ano.

Lucila, que foi candidata à deputada estadual em 2018, agora está nomeada com CEC em que o salário varia de R$ 13 a R$ 16 mil. Com seu afastamento da Câmara, o vereador Carlinhos foi empossado em seu lugar, na cidade de Cruzeiro do Sul

<< Matéria anteriorQuilo do açaí no Acre ganha bônus de 20,63% do governo federal
Próxima matéria>>Gladson convoca aprovados em concursos das polícias Civil e Militar