Estado de saúde do delinquente P. S. O. 17 anos baleado por um agente penitenciário, na madrugada de domingo, quando tentava atear fogo em sua casa, continua em estado grave na unidade Hospitalar de Cruzeiro do Sul. As informações que corriam na manhã desta terça-feira, (8), dando conta que o criminoso teria morrido, não procede.Nossa reportagem manteve contato com um funcionário do Hospital, no vale do Juruá, que nos garantiu serem falsas as notícias vinculadas nos bastidores.

De acordo com os relatos do funcionário, o Criminoso P.S.O. teve alguns de seus órgãos importantes atingidos pelo o disparo. O que Dificultará a recuperação de seu estado de Saúde e ainda corre risco de ficar paraplégico.

Outras notícias veiculadas nos bastidores apontam que o criminoso P.S.O. 17 anos tenha vindo de Cruzeiro do Sul ordenado por suposta facção para pôr fim a vida de alguém na cidade de Feijó. Fatos não confirmado pela polícia.

<< Matéria anteriorDeputado denuncia que líderes de facção ordenam incêndios a prédios em Tarauacá e acusa comando da PM de “afrouxar”
Próxima matéria>>EM FEIJÓ: criminosos ateia fogo na ponte que dar acesso ao aeroporto