A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) divulgou hoje, 3, que determinou a suspensão da distribuição, comercialização e uso de 119 lotes de medicamentos, como Amoxicilina, Dipirona Sódica, Doril Enxaqueca, Epocler, Polaramine, Lisador, Biotônico Fontoura e Maracugina. Os motivos da retirada dos itens não foram divulgados.

 

A decisão foi tomada após a empresa farmacêutica Brainfarma, que faz parte do grupo Hypermarcas, anunciar que vai recolher voluntariamente os medicamentos por conta de um “equívoco operacional no processo de pesagem”. Com informações do Portal Brasil e da ANVISA.

 

<< Matéria anteriorCristãos são perseguidos e crucificados na Coréia do Norte
Próxima matéria>>Senador Glason Cameli liberou mais de R$10 milhões para os Municípios do Acre