Spa-Francorchamps, Spa, Belgium.. Sunday 28 August 2016. Felipe Massa, Williams Martini Racing. Photo: Glenn Dunbar/Williams ref: Digital Image _X4I1705

Durou pouco a aposentadoria de Felipe Massa. Apenas um mês após deixar a Fórmula 1, o brasileiro foi anunciado pela Williams como piloto para a temporada 2017. A escuderia também anunciou a saída de Valtteri Bottas para a Mercedes, onde substituirá Nico Rosberg.

O brasileiro disse que, apesar da despedida do final do ano passado, ainda tinha a vontade de pilotar na F-1 e, por isso, voltou quando surgiu a oportunidade na Williams. “Minha intenção sempre foi correr em algum lugar e ainda tenho a paixão por correr e competir, Tenho também um forte amor pela Williams e eu curti muito os últimos três anos com com a equipe. Por isso, voltar para ajudar a dar estabilidade e experiência para a temporada de 2017 foi o que achei certo fazer”.

“Tenho paixão por correr, por competir e lutar na pista. Minha volta não é simplesmente por ver a Fórmula 1 como melhor opção, mas sim por ver a Williams como a melhor opção. Não teria voltado para outra equipe”, disse o piloto.

Com o anúncio, Massa tem a volta à Fórmula 1 confirmada menos de dois meses após fazer sua despedida oficial, no GP de Abu Dhabi do ano passado. Toda a movimentação do mercado de pilotos com menos de oito semanas para o início dos testes de pré-temporada – que serão realizados a partir de 27 de fevereiro, no Circuito de Montmeló, na Espanha – aconteceu após a surpreendente aposentadoria de Rosberg, anunciada apenas cinco dias após a conquista de seu primeiro título mundial.

<< Matéria anteriorNavio de Assistência Hospitalar “Doutor Montenegro” inicia a operação “Acre 2017”
Próxima matéria>>Presos provisórios no Acre serão jugados no prazo de 90 dias