Para identificar as condições de saúde bucal mais prevalentes na população brasileira e subsidiar políticas públicas, o Ministério da Saúde realiza a terceira edição da SB Brasil Pesquisa Nacional de Saúde Bucal. Até junho deste ano, a pesquisa vai coletar dados da população em 422 municípios Brasileiros, sendo 11 no estado do Acre.

A SB Brasil é o maior estudo sobre as condições de saúde bucal da população brasileira e, neste ano, foi realizada com 50 mil pessoas. Nesta primeira etapa, os profissionais da Atenção Primária à Saúde Bucal passarão de porta em porta para convidar a população para a pesquisa e coletar dados socioeconômicos, por meio de questionário. A participação é importante, visto que o participante que tem algum problema bucal detectado, já é encaminhado para a unidade odontológica.

O secretário de Atenção Primária à Saúde, Raphael Parente, ressalta a importância da ação para a região Norte. “Serão cerca de 13 mil pessoas que serão visitadas na região. A participação é importante para o Ministério conhecer melhor a saúde bucal da população. O nosso compromisso é garantir o acesso de toda a população brasileira ao serviço odontológico”, afirmou.

Após o mapeamento da população, será a fase da avaliação da saúde bucal com um exame físico, de pessoas das seguintes idades: 5 anos, 12 anos, 15 a 19 anos, 35 a 44 anos e 65 a 74 anos. Além disso, também serão verificados dados sobre a necessidade de tratamento dentário, urgência de tratamento e de próteses dentárias.

Entenda

A SB Brasil é um estudo sobre as condições de saúde bucal da população brasileira. Esta pesquisa representa a continuidade dos modelos já realizados em 2003 e 2010, e será realizada com mais de 50 mil pessoas (50.800 pessoas) inseridas em 422 municípios, sendo estes 395 municípios do interior somados às 26 capitais e ao Distrito Federal.  Nesta fase, o Ministério da Saúde investiu cerca de R$ 4 milhões.

Por meio da pesquisa, busca-se identificar as doenças bucais mais prevalentes como a cárie dentária e a doença periodontal, bem como a necessidade de próteses dentárias, as condições de oclusão, o traumatismo dentário e o impacto das condições de saúde bucal na qualidade de vida, entre outros aspectos.

Confira a lista dos municípios do Acre:

  1. Brasiléia
  2. Capixaba
  3. Cruzeiro do Sul
  4. Epitaciolândia
  5. Feijó
  6. Rio Branco
  7. Rodrigues Alves
  8. Senador Guiomard
  9. Sena Madureira
  10. Tarauacá
  11. Xapuri
<< Matéria anteriorA exigência de “estagiário com experiência” prejudica a inserção no mercado de trabalho, diz Vanda Milani
Próxima matéria>>Vanda Milani vota favorável a projeto que regulamenta ensino em casa